Lista de regiões com pagamento antecipado do Bolsa Família JUNHO

Centenas de municípios foram autorizados a antecipar o pagamento do programa social

Na última semana, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS), pasta responsável pelo Bolsa Família, anunciou medidas de apoio financeiro mais ágil para os inscritos no programa de transferência de renda que estão passando por situações de emergência ou calamidade pública.

Entre as medidas, destaca-se a antecipação dos pagamentos, prevista para começar no dia 17 de junho para diversas regiões do Rio Grande do Sul (RS) afetadas pelas tempestades e enchentes. O movimento do Governo Federal tem como objetivo fornecer suporte financeiro imediato para mais de 20 milhões de famílias cadastradas no programa social, garantindo que os recursos cheguem a quem realmente precisa em um momento crucial

Inclusive, a medida afeta todos os inscritos, independentemente do último dígito do Número de Identificação Social (NIS) — lembrando que o cronograma é baseado neste documento para evitar grandes aglomerações nas agências e assegurar uma distribuição justa e eficaz.

Como vai funcionar o adiantamento dos recursos?

O pagamento extraordinário do Bolsa Família de junho, como mencionado há pouco, ocorrerá a partir do dia 17, contemplando famílias de áreas reconhecidas em estado de calamidade. O calendário tradicional, que prioriza a sequência numérica do NIS, não será aplicada para estas localidades, permitindo que todos os segurados recebam simultaneamente no mesmo dia.

Consultando o benefício

Para facilitar o acesso ao dinheiro, o MDS lançou um portal exclusivo onde os beneficiários podem conferir as datas de pagamento ajustadas conforme o estado de emergência de cada região. Este recurso está disponível no endereço eletrônico fornecido pela pasta, garantindo que todas as informações sejam obtidas de forma clara e objetiva.

Papel do Bolsa Família

O programa assistencial desempenha um papel crucial na redução da pobreza e na promoção da assistência social. A ação emergencial de antecipação do pagamento não apenas garante a continuidade do suporte, mas também reforça o compromisso do Governo Federal em responder prontamente às necessidades dos beneficiários em momento de crise.

  • 1. Data de início dos pagamentos: 17 de junho de 2024;
  • 2. Total de famílias agraciadas: cerca de 20 milhões de pessoas;
  • 3. Cobertura: nacional, para regiões em estado de calamidade ou emergência.

Cronograma regular de junho

  • Beneficiários com NIS terminado em 1: depósito no dia 17 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 2: depósito no dia 18 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 3: depósito no dia 19 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 4: depósito no dia 20 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 5: depósito no dia 21 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 6: depósito no dia 24 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 7: depósito no dia 25 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 8: depósito no dia 26 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 9: depósito no dia 27 de junho;
  • Beneficiários com NIS terminado em 0: depósito no dia 28 de junho.

Vale ressaltar que a medida emergencial é um sinal de solidariedade e ação rápida por parte do MDS, que busca diminuir os impactos de desastres naturais e outras situações de emergência sobre as famílias mais carentes do Brasil.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.