576 cidades brasileiras ganharam Bolsa Família unificado em maio

Confira a lista e veja se o seu município será contemplado pela medida

As parcelas de maio do Bolsa Família foi foram disponibilizadas no dia 17 de maio sexta-feira para beneficiários de 576 municípios em situação de emergência ou estado de calamidade pública reconhecido pelo Governo Federal. O pagamento unificado do programa de transferência de renda vai beneficiar 908,85 mil famílias, em um investimento de R$ 616,47 milhões.

A medida adotada pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) visa amenizar as consequências à população, em razão eventos climáticos ou desastres naturais, como explicado pelo ministro Wellington Dias.

Essa é uma das tantas ações emergenciais que estão acontecendo todos os dias. Nós sabemos que essas pessoas estão enfrentando dificuldades adicionais e que precisam do Bolsa Família. É fundamental nos unirmos para trabalhar na reconstrução das cidades, para que as pessoas tenham de volta sua dignidade“, disse o chefe da pasta.

A quebra do cronograma escalonado do Bolsa Família permite que os beneficiários dessas cidades utilizem o recurso recebido no primeiro dia de transferências (17 de maio), sem a necessidade de aguardar a data indicada pelo último dígito do Número de Identificação Social (NIS).

Pagamentos

  • 1. Rio Grande do Sul: o calendário do Bolsa Família foi unificado em todos os 497 municípios gaúchos. Para o estado, são R$ 416,92 milhões em transferências, contemplando 619,74 mil famílias;
  • 2. Rio Grande do Norte: em outra ponta do mapa,  o calendário foi unificado para 92,42 mil famílias de 42 municípios potiguares. O investimento é de R$ 61,54 milhões;
  • 3. Espírito Santo: outros 12 municípios da região também entram na quebra de calendário, beneficiando 20,1 mil famílias. O repasse totaliza R$ 13,44 milhões;
  • 4. Maranhão: também são 12 municípios contemplados com a medida. A transferência de R$ 44,13 milhões chega a 61,8 mil famílias no estado;
  • 5. Rio de Janeiro: o recurso ficou disponível a partir do dia 17 de maio para 85,52 mil famílias de cinco municípios, em um investimento de R$ 57,35 milhões. As cidades são: Bom Jesus do Itabapoana; Cachoeiras de Macacu; Magé; Petrópolis e Teresópolis;
  • 6. Roraima: também tem cinco municípios com pagamento unificado, beneficiando 14,84 mil residências, com um repasse de R$ 11 milhões. Os municípios são: Amajari; Alto Alegre; Caracaraí; Iracema e Mucajaí;
  • 7. Amazonas: Três municípios do  Estado também serão contemplados pela medida. Podem movimentar o benefício 14,41 mil famílias que recebem R$ 12,06 milhões. Os municípios são: Barcelos; Santa Isabel do Rio Negro e São Gabriel da Cachoeira.

Bolsa Família: cronograma de pagamentos

O calendário de pagamento do Programa Bolsa Família segue uma escala conforme o último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Quem tem NIS final 1 recebe no primeiro dia, final 2 no dia seguinte e assim até as famílias com NIS final 0. Sempre contando os 10 últimos dias úteis de cada mês:

  • Beneficiários com NIS terminado em 1: depósito no dia 17 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 2: depósito no dia 20 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 3: depósito no dia 21 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 4: depósito no dia 22 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 5: depósito no dia 23 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 6: depósito no dia 24 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 7: depósito no dia 27 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 8: depósito no dia 28 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 9: depósito no dia 29 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 0: depósito no dia 31 de maio.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.