Saiu HOJE (22): PicPay revoluciona com notícia urgente sobre empréstimo

Veja como solicitar o crédito sem sair de casa

A tecnologia sempre traz avanços em muitos setores e diversos ferramentas que devem ser aproveitadas ao máximo. Em especial, falamos de instituições financeiras que, hoje em dia, podem oferecer uma variedade de instrumentos para organizar as economias. Um bom exemplo é o empréstimo PicPay.

Uma boa funcionalidade da era moderna é a chance de obter empréstimos pessoais diretamente pelo aplicativo do celular. Neste sentido, o app do PicPay, inicialmente, foi pensado para ser uma carteira digital, mas vem incorporando uma série de serviços, como o já mencionado crédito pessoal.

Funcionamento do empréstimo do PicPay

A linha de crédito oferecida pelo PicPay é um tipo de empréstimo pessoal que se destina a indivíduos que têm ao menos 18 anos, possuam CPF ativo e comprovante de renda. O prazo e o valor do serviço variam de cliente para cliente, conforme a análise do crédito, bem como as políticas que estão vigentes.

Esses e outros detalhes devem ser cuidadosamente conferidos quando na hora da simulação, antes de efetuar a contratação. No ato da assinatura do contrato do empréstimo PicPay será solicitada uma selfie do cliente para comprovação. Para efetivação dos processos, também pode ser solicitado algum dado complementar no cadastro.

Isso porque algumas informações são de extrema importância no momento de analisar o crédito e aprovar o empréstimo PicPay. Entretanto, não se pode esquecer a foto de um documento de identidade, por exemplo, CNH, RNM, RNE, RG, CIN ou DNI.

Uma vez aprovado pela empresa, o valor liberado de crédito será depositado na conta PicPay em, no máximo, três dias úteis. Nesse sentido, como é um tipo de empréstimo pessoal, depois que o dinheiro está na conta, pode ser usado como o solicitante precisar, sem a necessidade de justificativas posteriores.

Atente-se as taxas cobradas

  • 1. Imposto sobre Operações Financeiras (IOF): Em terras brasileiras, todos os empréstimos, incluindo o empréstimo PicPay, cobram esse imposto. Seu custo é de 0,38% incidentes sobre o total do empréstimo, além do percentual 0,0082% ao dia, conforme a quantidade escolhida de parcelas;
  • 2. Custo Efetivo Total (CET): em suma, significa qual o valor total que se pagará no empréstimo do PicPay. Essa é uma norma do Banco Central (BC) que se criou por meio da Resolução CMN 3.517/2007. A resolução obriga as instituições bancárias a dar maiores explicações sobre os detalhes da transação financeira;
  • 3. Tarifa do cadastro: esse é um valor que se relaciona com os custos operacionais do banco para com a realização das pesquisas em serviços para proteção ao crédito, informação cadastral e base de dados, tratamento dos dados, além das informações necessárias para a contratação da operação de crédito com o PicPay Bank ou o Banco Original.

Passo a passo de como solicitar o empréstimo pelo celular

Aqueles que precisam de crédito para realizar um sonho, quitar débitos ou até mesmo adquirir um bem, pode solicitar o empréstimo do PicPay sem precisar sair do conforto de casa e sem muita burocracia. Veja o procedimento:

  • 1. Primeiramente, abra o app do PicPay;
  • 2. Na parte inferior do menu, clique no ícone carteira;
  • 3. Em seguida, toque em “Empréstimos”;
  • 4. Assim, é possível encontrar todas as modalidades do empréstimo que estarão disponíveis no momento.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.