Pagamentos do Bolsa Família convoca NIS 2, 3, 4, 5 e 6 para saque

Veja o calendário completo e garanta o que é seu por direito

Na última sexta-feira (17), o Governo Federal, por meio da Caixa Econômica Federal (CEF), efetuou os primeiros repasses do Bolsa Família. Vale lembrar que o cronograma é escalonado e segue de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) dos titulares. O prazo se encerra no dia 31 de maio.

Cabe destacar que o Governo Federal antecipou o depósito de maio para segurados de todos os municípios do Rio Grande do Sul (RS) no primeiro dia da distribuição, dia 17. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS), pasta responsável pelo Bolsa Família, ao todo, 583 mil brasileiros que vivem no RS serão agraciados.

O aporte financeiro é de R$ 380 milhões. Inclusive, na última quarta-feira (15), a União anunciou, também, a inclusão de mais de 21 mil gaúchos no programa de transferência de renda. Além disso, o Auxílio Gás será liberado para os antigos e novos beneficiários, antecipando o recurso que estava previsto para junho.

Calendário do Bolsa Família referente ao mês de maio

Como mencionado anteriormente, os repasses seguem de acordo com o último dígito do NIS de cada segurado. Sendo assim, no decorrer desta semana, será a vez dos beneficiários com o NIS terminado em 2, 3, 4, 5 e 6. Abaixo, confira o cronograma completo:

  • Beneficiários com NIS terminado em 1: depósito no dia 17 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 2: depósito no dia 20 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 3: depósito no dia 21 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 4: depósito no dia 22 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 5: depósito no dia 23 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 6: depósito no dia 24 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 7: depósito no dia 27 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 8: depósito no dia 28 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 9: depósito no dia 29 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 0: depósito no dia 31 de maio.

Quem vai receber o benefício?

Para receber o Bolsa Família, a renda de cada pessoa do núcleo familiar deve ser de, no máximo, R$ 218 por mês. Para saber se você está enquadrado na regra, basta somar o salário de todas as pessoas que vivem na casa e dividir pelo número de residentes.

Caso esteja de acordo, o próximo passo é se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Uma vez inscrito, mantenha seus dados atualizados para garantir a continuidade dos pagamentos. Isso pode ser feito em postos de atendimento do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), com a apresentação de documentos como o CPF ou o título de eleitor.

Depois de se inscrever, a família deve aguardar ser incluída no programa social, o que acontece todos os meses. Para se manter atualizado sobre o andamento desse processo, é possível ligar para a Central de Atendimento da Caixa, no número 111, ou para o atendimento Caixa ao Cidadão, no número 0800 726 02 07.

Repasse do Bolsa Família

As famílias podem receber o dinheiro pelo aplicativo Caixa Tem (disponível para Android e iOS), em conta Poupança Social Digital. Desde março de 2023, o app do Bolsa Família (também disponível para todos os sistemas operacionais) substituiu a plataforma do Auxílio Brasil, e serve para consultas de como movimentar seu benefício.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.