Pagamento EXTRAORDINÁRIO para milhares de inscritos do CadÚnico

O Governo Federal optou por antecipar dois recursos fundamentais; confira

A partir desta semana o Ministério do Desenvolvimento Social e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) libera o pagamento de dois programas de transferência de renda governamental. Sendo assim, os brasileiros que estão inscritos no Cadastro Único para Programas do Governo Federal (CadÚnico) começam a se planejar para o recebimento dos recursos.

Vale destacar que a Caixa Econômica (CEF), responsável por depositar as quantias no aplicativo do Caixa Tem (disponível para Android e iOS), começa a liberar nesta semana os pagamentos referentes ao Bolsa Família e Auxílio-gás. A organização do cronograma leva em consideração o último dígito do Número de Identificação Social (NIS). No caso do segundo benefício, destinado para a compra do botijão de gás, apenas os segurados do Rio Grande do Sul (RS) vão recebê-lo.

Repasse do Bolsa Família

Os cidadãos devidamente inscritos no CadÚnico já estão recebendo os recursos do principal programa de transferência de renda do país, visto que os pagamentos foram iniciados no último dia 17 —contemplando aqueles com o NIS finalizado em 1 —e vão até o dia 31. Cabe frisar que em municípios onde foi decretada situação de calamidade pública, como é o caso de diversas regiões no RS, os recursos foram liberados no primeiro dia de distribuição. Logo, os demais beneficiários deverão seguir o cronograma abaixo:

  • Beneficiários com NIS terminado em 1: depósito no dia 17 de maio (pago);
  • Beneficiários com NIS terminado em 2: depósito no dia 20 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 3: depósito no dia 21 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 4: depósito no dia 22 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 5: depósito no dia 23 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 6: depósito no dia 24 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 7: depósito no dia 27 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 8: depósito no dia 28 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 9: depósito no dia 29 de maio;
  • Beneficiários com NIS terminado em 0: depósito no dia 31 de maio.

Concessão do Auxílio Gás

O repasse do Auxílio-gás não vai atender 5 milhões de famílias neste mês de maio, como aconteceu nos outros meses. Isso porque o Governo Federal, por meio do MDS, limitou quem terá direito ao benefício em maio. Sendo assim, apenas moradores das cidades em que foi decretada situação de calamidade pública no Rio Grande do Sul foram contempladas.

Cabe destacar que os demais beneficiários do Auxílio Gás só vão receber o benefício novamente em junho, visto que ele é liberado bimestralmente, isto é, a cada dois meses, com a última parcela tendo sido depositada em abril. Logo, resta aguardar para ter um novo acesso ao montante extra de R$ 102.

Benefícios adicionais também serão liberados para segurados no RS

Além da parcela fixa de R$ 600 concedida pelo Bolsa Família e da antecipação do Auxílio Gás, os beneficiários que moram em um dos municípios afetados pelas enchentes no Estado vão receber recursos extras. Confira:

  • 1. Benefício Primeira Infância: acréscimo de R$ 150 para cada criança de zero a seis anos de idade;
  • 2. Benefício Variável Familiar: adicional de R$ 50 para gestantes ou crianças e adolescentes na faixa etária entre sete e 18 anos incompletos;
  • 3. Benefício Variável Familiar Nutriz: extra de R$ 50 para cada integrante com até seis meses de idade.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.