Descubra AGORA se tem direito ao saque calamidade de R$ 6.220

Em resposta aos recentes desastres naturais que assolaram vários municípios do Rio Grande do Sul, foi liberado o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para as vítimas das enchentes. Este benefício é uma esperança para muitos que enfrentam dificuldades devido aos danos causados pelas chuvas intensas e inundações.

O saque calamidade permite que trabalhadores com saldo em contas vinculadas ao FGTS retirem até R$ 6.220, condicionado ao saldo disponível na conta. A medida tem como objetivo proporcionar um alívio financeiro emergencial para os atingidos por calamidades naturais. Interessante notar que, diferentemente de saques anteriores, não é mais necessário esperar um prazo de 12 meses para uma nova solicitação decorrente de calamidade.

Municípios que estão elegíveis

Além de Porto Alegre, um total de 21 municípios foram adicionados recentemente à lista dos que podem realizar o saque. Os moradores dessas regiões têm agora a possibilidade de acessar seus fundos em um momento crítico. Os municípios incluem:

  • Agudo
  • Anta Gorda
  • Bom Retiro do Sul
  • Candelária
  • Encantado
  • Esteio
  • Farroupilha
  • Feliz
  • Guaíba
  • Jaguari
  • Nova Palma
  • Nova Santa Rita
  • Portão
  • Porto Xavier
  • Rolante
  • Santa Teresa
  • São Marcos
  • São Sebastião do Caí
  • Sobradinho
  • Taquara
  • Triunfo

Solicitação do saque

Com muitas agências da Caixa Econômica Federal afetadas pela situação de emergência, a recomendação é que os pedidos sejam feitos digitalmente, por meio do aplicativo FGTS, disponível para Android e iOS. Lá, o usuário deve selecionar a opção de saque por calamidade pública, escolher o município afetado e anexar a documentação necessária, que inclui documento de identificação e comprovante de residência. Confira o passo a passo:

  1. Acesse a opção “Meus Saques” no aplicativo FGTS.
  2. Escolha “Outras Situações de Saques” e então “Calamidade Pública”.
  3. Selecione seu município e escolha a forma de recebimento.
  4. Anexe os documentos solicitados e finalize sua solicitação.
  5. Após a solicitação, basta aguardar a análise da Caixa. Se a documentação estiver correta e for validada, o benefício será liberado.

Documentação necessária para o saque

Ao solicitar o saque calamidade, é imprescindível que o requerente prepare os documentos que comprovem sua identidade e residência. São aceitos RG, CNH, passaporte, além de comprovantes de residência atualizados. Importante destacar que é necessário também um documento que verifique vínculo empregatício, como carteira de trabalho.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.