INSS libera PIX extraordinário de R$ 2.200 para milhares de brasileiros

Inclusive, é possível antecipar o recebimento do montante; saiba como

Neste mês de maio, ao menos 33 milhões de pessoas receberão do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) um pagamento maior do que o comum. O cronograma começa no próximo dia 24, e em poucos dias, o portal para consulta do quanto exatamente será pago já ficará disponível para todos os cidadãos elegíveis.

Estamos falando da segunda parcela do 13º salário do INSS. Vale lembrar que o primeiro repasse aconteceu em abril e boa parte dos aposentados e pensionistas da Previdência Social puderam sacar valor igual a 50% do seu salário comum. Porém, dessa vez, alguns beneficiários terão que lidar com a “mordida do Leão”: o desconto do Imposto de Renda (IR) por parte da Receita Federal.

Como é feito o cálculo do abono salarial?

Certos contemplados podem chegar a receber R$ 2,2 mil a mais no seu pagamento de maio sem muita burocracia. Isso porque o que vai determinar a quantia exata da segunda parcela do 13º salário do INSS é o valor do salário comum, e o número de meses em que o cidadão está recebendo o benefício previdenciário. 

Entenda o método utilizado

Todo valor do montante recebido nos últimos 12 meses é somado e dividido por 12. A partir daí, é possível traçar a média salarial do cidadão no ano. Inclusive a média salarial é multiplicada pelo número de meses em que o beneficiário está recebendo os auxílios do INSS. Sendo assim, o valor final é o resultado do 13º salário que será dividido em:

  • 1º parcela: 50%;
  • 2º parcela: 50% — desconto do IR para quem é contribuinte.

Tabela de desconto do IR

O valor retirado pela Receita Federal será aplicado com base na seguinte tabela:

Base de cálculoAlíquotaDedução
Até R$ 2.259,200%Não há dedução
De R$ 2.259,21 até R$ 2.826,657,5%R$ 169,44
De R$ 2.826,66 até R$ 3.751,0515,0%R$ 381,44
De R$ 3.751,06 até R$ 4.664,6822,5%R$ 662,77
Acima de R$ 4.664,6827,5%R$ 896,00

Observações

  • 1. Rendimentos previdenciários isentos para maiores de 65 anos: R$ 1.903,98;
  • 2. Dedução mensal por dependente: R$ 189,59;
  • 3. Limite mensal de desconto simplificado: R$ 564,80.

Consultando o 13º salário do INSS

Para descobrir quanto você vai receber na segunda parcela do 13º salário do INSS, basta fazer a consulta online, sem precisar sair de casa. O portal atualiza com os dados necessários dois dias antes do início do pagamento, como o calendário começa no dia 24, a consulta fica disponível dia 22 de maio.

Passo a passo de como consultar

  • 1. Acesse o site ou app do Meu INSS e faça o login;
  • 2. Na página inicial, procure pela guia “Extratos”;
  • 3. Feito isso, selecione “Extrato de pagamentos”;
  • 4. Por fim, basta filtrar a consulta por mês e ano desejado.

Antecipe o 13º salário do INSS

Caso não queira esperar pelo período previsto pelo cronograma estabelecido, o beneficiário pode:

  • 1. Entrar em contato com o banco onde seu benefício é depositado;
  • 2. Solicitar o adiantamento do 13º salário do INSS;
  • 3. O dinheiro será liberado com base no valor que o cidadão tem para receber, mas com redução pelas taxas de juros;
  • 4. Quando o abono cair na conta, o banco debita como forma de pagamento do crédito. 
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.